Japonês do Funk

(dif) ← Edição anterior | ver versão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Pewds Psicopata.jpg Este artigo é sobre uma subcelebridade

e pode ter sido motorista ou empregada na novela das nove, na Globo.

Cuidado: Japonês do Funk pode cobrar cachê por ler este artigo.
VoadoraTanaka.jpg Made in Japan BRASIL!!

Este é um artigo com tecnologia do sol nascente Burajiro né.
E é dono de alguma quitanda ou pastelaria na Liberdade.
Bagunce o artigo e Içami Tiba lhe dará umas lições de disciplina.


Falou lindão!

O Japonês do Funk é um candidato incrível, adepto do funk carioca e amante profissional da Mulher Melancia e da Mulher Repolho. Ele defenderá todos os pobres e discriminados que estão cada um no seu quadrado pra não irem pro créeeeeeeeeeeeeeeeeeeeu!!!

História de vidaEditar

Mijamoito Katchasseirow era um garoto vindo do Japão para o Brasil, mais especificamente o Rio de Janeiro que continua lindo, o Rio de Janeiro que continua sendo a capital do funk brasileiro. Mijamoito começou a dançar nas danceterias de funk, virou uma celebridade local tão famosa quanto a Lacraia ou o MC Créu.

Porém, o já denominado Japonês do Funk (e imaginem o marketing: "Japonês do Funk"! Se ele fosse o "Índio do Funk" ia ser ainda mais engraçado incrível) percebeu que o governo do Rio de Janeiro, como o senhor Sérgio Cabral estava dando pouca importância ao funk carioca, dando mais importância ao Comando Vermelho e até ao Segundo Comando da Capital, que nem sequer existe. Irritado, o Japonês do Funk decidiu se candidatar a vereador em 2008 visando melhorar a vida não só dos funkeiros, mas também dos nipônicos que aderem a essa dança, que são tão desprezados pela sociedade (bonito, não?).

PropostasEditar

  • Se ganhasse, iria permitir baile funk todos os dias da semana, e ainda por cima a qualquer hora do dia;
  • Proibir o Carnaval carioca de tocar samba (agora é só funk, morô?);
  • Dar oportunidade de emprego a outros nipônicos (é que você sabe, uma hora você, amigo brasileiro tem seu empreguinho, na outra o japinha rouba seu emprego, então pra piorar ele também quer roubar seu baile? Qualé?).

Ganhou ou não?Editar

Ao que tudo indica, não. O Jingle político dele falava que pra ele ganhar, tinha que rebolar, então teoricamente acho que ninguém quis fazer uma babaquisse dessas... Mas dizem que ele só não ganhou por pouco, hein! Dizem que ele só não ganhou porque a maioria do seu eleitorado (funkeiros), eram analfabetos...

Outros ilustres políticos brasileirosEditar

Veja a campanha da criançaEditar

Falou lindão!